Por que a gasolina teve aumento novamente?

aumento gasolina

Não é nenhuma novidade que constantemente o governo junto a Petrobras realiza reajustes no preço dos combustíveis, mas nesse mês de Setembro os diversos “pequenos” reajustes já acalcam a marca de quase 14% de aumento no preço da gasolina e do etanol em comparação a Agosto desse ano. E foi justamente agora, no dia 12/09/17 que a Petrobras anunciou seu ultimo aumento, sem contar que no dia 09/09/17 a Petrobras já havia realizado um aumento no valor de 2,6% no preço da gasolina e de 1,5% no preço do diesel.

Esse aumento só aumenta a indignação geral dos consumidores de todo país, sem falar que recentemente a Petrobras vendeu combustível para a Bolívia pelo preço de R$ 1,60 reais. Isso mesmo! Ridículo e humilhante.

Nós produzimos aqui no Brasil e ainda sim pagamos quase R$ 3,00 no litro da gasolina, enquanto todos os países que importam gasolina do Brasil pagam bem mais barato que gente. Nesse escândalo de venda para a Bolívia, eles resolveram importar combustível devido à escassez no país e estão pagando a gasolina do Brasil a preço de banana. Sem falar que a Bolívia ao importar do Brasil fica isenta de todos os impostos, QUE NÓS PAGAMOS, isso tudo devido ao Mercosul.

Nesse ultimo aumento realizado hoje, dia 12/09 o litro da gasolina pode variar de R$ 3,14 e podendo chegar até R$ 4,95 dependendo do estado brasileiro. A Petrobrás culpa o aumento dizendo que furacão Irma que na semana passada atingiu seriamente a produção de petróleo na refinaria do Golfo do México aumentando o valor de derivados do petróleo nos Estados Unidos. Segundo o sindicato dos postos e combustíveis, a recomendação é pesquisar bem o preço sempre avaliando a qualidade e marca da gasolina ou etanol, isso por que muitas vezes os combustíveis de má qualidade alem de render muito menos ainda pode danificar seriamente o motor do seu veiculo.

E infelizmente a coisa não para por ai caros amigos. A Petrobras ainda disse que podem ocorrer novos aumentos sem aviso prévio, isso devido à flutuação do valor do dólar.

Vale mais pena colocar Etanol ou Gasolina ou Gás?

E ia, o que será que vale mais pena hoje em dia? Abastecer com gasolina, etanol ou gás veicular?

Anos atrás, quando a gasolina estava metade do preço que está hoje foi instalado em diversos veículos o gás veicular, ou mais conhecido por gás natural, que além de não poluir o meio ambiente ainda custava muito barato, cerca de R$ 0,10 centavos o metro cúbico. O que daria para rodar até 15 quilômetros por metro cúbico se você abastecer R$ 1,50. Nessa época o consumidor tinha que converter o motor do seu veiculo a gasolina para gás e o custo não era muito em conta, mas como o gasto com o gás era muito menor do que com o uso da gasolina o investimento de converter o carro a gás se pagava automaticamente em pouco tempo.

Isso foi em meados de 2004, e depois disso, quando o gás passou a ser mais consumido do que o etanol e a gasolina o governo federal resolver ferrar mais um pouco a população (como sempre) e colocou o preço do metro cúbico quase igual da gasolina. Daí em diante todos os veículos convertidos para gás natural praticamente perderam todo investimento que fizeram na conversão e novamente a gasolina passou a ser mais utilizada.

Nos dias de hoje, depois do ultimo aumento divulgado pela Petrobras, no dia 12/09/2017 o consumidor ficou meio que numa saia justa por que o etanol está variando entre R$ 2,10 e pode chegar até R$ 2,77, dependendo do estado brasileiro. Já o metro cúbico do gás natural está em média de R$ 2,00.

Podemos ver que o preço do etanol e do GNV está praticamente igual, mas será que o rendimento é o mesmo?

Abaixo temos uma tabela com valores e rendimentos entre o GNV, gasolina e etanol.

Na conta abaixo abastecendo até R$ 50,00 com um veiculo com motor 1.4 a diferença é exorbitante!

Com gás GNV o seu carro roda 214% a mais do que a gasolina ou o etanol. Veja a tabela:

gasolina

Porém, como dissemos acima devido ao forte aumento do GNV anos atrás muitas pessoas converteram novamente seus veículos para gasolina ou etanol para economizar nos custos de manutenção do uso do gás veicular, que é um pouco mais elevado do que o carro que só é movido à gasolina ou a etanol. A manutenção média por ano de um carro a gás chega a R$ 220,00 a mais do que um carro normal, porém esse valor não é nada em comparação ao rendimento do GNV.

Mas depois dessa comparação toda… O que vale a pena nos dias de hoje? Converter novamente seu carro para GNV? E se o governo aumentar novamente o custo do gás e você perder todo seu investimento novamente, como muitas pessoas perderam anos atrás?

Assim como eu, que na época converti meu carro a gás e gastei quase R$ 3000 mil reais para instalar o kit GNV, e depois gastei quase a mesma coisa para voltar à gasolina com certeza não converteríamos novamente nossa carro para GNV, sem falar que não temos mais confiança alguma tanto na Petrobras, (que faz o que quer em relação a aumento de preços), como no governo federal que não está nem ai para nosso bolso (só querem saber do dinheiro entrando no boldo deles).

Dessa forma temos que optar em etanol e gasolina.

Já sabemos que a gasolina rende muito mais do que o etanol e preserva e lubrifica por mais tempo o motor, porem ela é mais cara do que o etanol. Em contra partida o etanol, se usado por muito tempo pode ressecar algumas pelas do motor e antecipar a revisão veicular que você deve fazer a cada dois anos para evitar que seu veículo tenha qualquer problema mecânico e também para aumentar a vida útil do seu automóvel.

Algumas pessoas enchem o tanque com metade de gasolina e metade de etanol, misturando os dois combustíveis, e isso, além de aumentar o rendimento do combustível ainda lubrifica e preserva seu motor, mas alguns especialistas dizem que isso pode danificar o motor. Isso por que um carro FLEX, ou deve ser abastecido por etanol ou por gasolina e não por ambos. Essa técnica somente aumenta a quilometragem e força do motor, mas em contrapartida pode danificar seu veículo, dessa forma sempre opte ou por etanol ou gasolina.

Um ultima dica para quem só usa etanol, a cada três tanques de etanol encha seu tanque com gasolina. Dessa forma você mantém um equilíbrio no motor do veículo e não danifica algumas peças que podem estragar mais rapidamente devido ao uso excessivo do etanol.

Mas… E ai? O que fazer? Etanol ou Gasolina?

Temos uma ultima conta rápida que vale para qualquer tipo de combustível e vai ajudar você a sanar essa dúvida cruel. Para saber qual trará mais economia na hora de abastecer, o consumidor precisa fazer uma velha conta. Só vale a pena optar pelo álcool se o preço corresponder a menos do que 70% do valor da gasolina.

Para isso, o consumidor precisará multiplicar o valor da gasolina por 0,7. Por exemplo, se esse combustível custar R$ 4, o preço do etanol precisa ser de até R$ 2,80. O resultado precisa ser menor do que o apresentado na bomba para valer a pena.

Para maiores informações você pode acessar o site da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), que antecipa qualquer tipo de reajuste ocorrer em qualquer tipo de combustível.

Outras dicas para economizar é tomar cuidados com o veículo, como não deixar de alinhar e balancear o carro e manter os pneus calibrados. Além disso, é importante respeitar a troca de marchas.

E ai, Carro, Uber, Taxi ou Transporte Público?

A que ponto chegou né? Trabalhamos duro para comprar nosso carro, ficamos todos orgulhosos, pagamos uma fortuna de IPVA e seguro e ainda sim temos que gastar bastante para abastecer, sem falar que em todo lugar que vamos sempre tem transito e está sempre tudo parado. Resumidamente, hoje em dia abastecemos o carro para ficar parado no transito… rs.

Para você que pega seu carro todo dia para trabalhar e reclamava que só por que tinha que pegar mais de uma condução dava a desculpa de ir de carro para o trabalho né? E outra, adorava que os outros funcionários perguntavam se você vinha de carro ou de ônibus e você se achava o máximo quando ouvia outras pessoas dizerem que não tinham carro e usavam o transporte público. Mesmo pegando até 4 horas de transito você ainda sim preferia ir de carro só para ter o gostinho desse “glamour”.

Pois é meu amigo, sinto lhe informar que esse orgulho todo de chegar de carro no trabalho não está mais compensando… Por que se você fizer a conta sua empresa te dá o vale transporte (você que não pega!), e o que você vai gastar de combustível e ter de estresse no transito não valem a pena meu caro… Certo? Pense bem.

Você pode até pegar metro lotado, ou ônibus em pé, mas ainda sim não terá o estresse de todo dia no transito e vai economizar uma fortuna de gasolina todo mês! Sem falar na manutenção do seu carro que terá um custo muito menor do que você vinha gastando, claro isso por que você vai usar seu carro muito menos do que usava.

Se ainda sim trabalhar perto do trabalho e não quiser ficar em trem ou ônibus lotado chama um Uber, (que ainda hoje é bem mais em conta do que chamar um taxi), e para ficar ainda mais econômico você pode pegar um Uber comunitário onde mais de uma pessoa que também está indo para mesma direção que você pega o carro junto, ai vocês dividem a viagem. Fica bem mais barato do que pegar um carro só para você!

Ainda sim eu sou da opinião que hoje em dia, devido ao preço exorbitante da gasolina e falta de vantagens, (por que como já dissemos você gasta quase R$ 4,00 no litro da gasolina para ficar no transito… kkk) eu tomaria fácil todos os dias transporte público, mas cada um tem uma situação diferente, e isso deve ser temporário (assim espero… rs).

Se ainda sim estiver em dúvida e quiser calcular a conta tanto de Carro, taxi ou Uber.

Logo as coisas voltam no eixo, mas façam o teste!

calculadora de combustível

 

Mas afinal, por que os brasileiros pagam tão caro?

Para responder essa pergunta vamos primeiramente analisar rapidamente à composição do combustível produzido no Brasil e depois disse entender por que ainda hoje pagamos tão caro pelo combustível.

Composição de preço do combustível

Como todo brasileiro já está acostumado somos o país onde se paga mais imposto no MUNDO, se não for o primeiro está bem perto…rs.

Quer um exemplo, o ano normal tem 365 dias e normalmente você deve trabalhar de segunda a sexta, 20 dias por mês e 240 dias por ano, isso se trabalhar de segunda a sexta. Na conta não contamos o sábado, mas se contar dará 288 dias todo ano.

Enfim, depois dessa conta básica… Você sabia que dos 240 dias que você trabalha 150 dias você trabalha só para pagar seus impostos durante todo ano? Assustador, certo? Mas é isso mesmo caros amigos. Praticamente 41% de toda sua renda que você recebe todo mês vai para os políticos, OPS…rs…desculpem…vai para o governo.

Tendo essa conta em mente com nosso combustível não seria diferente.

A gasolina hoje tem aproximadamente 73% de gasolina e 27% de etanol, a agora vamos entender o por que produzimos e ainda sim pagamos uma fortuna.

 

preço do combustivelAcima temos uma imagem que ilustra bem a quantidade de impostos que pagamos sobre a gasolina no Brasil. O numero mais uma vez é assustador podendo chegar a 29% de ICMS e mais 18% de outros impostos. Isso totaliza, SÓ DE IMPOSTOS 47% do litro de gasolina que pagamos todos os dias são pagos de impostos para o governo, que é um absurdo você pagar quase metade do preço são somente impostos.

Se fossemos tirar esses 47%, o valor do litro da gasolina cairia pela metade em todo país.

Infelizmente esse é nosso Brasil caros amigos. Fazemos as contas quando vamos comprar alguma coisa e muitas vezes culpamos a empresa ou fabricante de determinado produto ou serviço, mas poucos tem noção que o valor altíssimo que pagamos em produtos nos supermercados ou em shoppings tem pelo menos de 35% a 45% de impostos embutido no preço final. Esse é motivo que muitas empresas importam peças e produtos do exterior, devido à carga tributária ser muito menor do que no Brasil.

consulte-nos